sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Amigos



Amigos


Tenho amigos que não sabem,

O quanto meus amigos são,

Os afectos que me deram,

Fortalecem o meu coração.




A amizade é um sentimento,

Mais nobre que o amor,

Pode ser distribuída por todos,

Sem posse, ciúme ou rancor.




Se todos os meus amores morressem,

Mesmo com dor sobrevivia,

Mas se os meus amigos desaparecessem,

Só e triste eu enlouquecia.




Alguns deles não procuro,

Que existem basta-me saber,

Condição que me encoraja,

Em nesta penosa vida por vezes viver.




Mas é delicioso saber,

Que todos eles adoro,

Mesmo longe não os esqueço,

A escreve-lhes não demoro.




Sempre que os procuro,

Sinto que têm noção,

O quanto são importantes,

Ao equilíbrio do meu coração.




Fazem parte do mesmo Mundo,

Que eu ajudo a construir,

São importantes alicerces,

Que na vida me ajudam a seguir.




Se algum deles me faltar,

De um lado torta vou ficar,

Porque em nenhum lado vou encontrar,

Alguém para pôr no seu lugar.




Mergulho por vezes em pensamentos,

Que por lugares maravilhosos me fazem percorrer,

Sem querer uma lágrima cai-me do rosto,

Por comigo não compartilharem o mesmo prazer.







A pesar das circunstancias da vida não permitirem,

Todos vocês sempre a meu lado ter,

Dentro do meu peito estarão sempre,

Pois não vos consigo esquecer.




Nesta vida os amigos,

Não somos nós que vamos faze-los,

É uma energia cósmica,

Que nos ajuda a reconhecê-los.




Vocês ensinaram-me,

Que vale a pena viver,

Porque são anjos que Deus me enviou,

Para encher de amor o meu ser.




Obrigado, por existirem!




Autora: Carla Marina Valadas Ferreira

06/10/2005

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Carla na Polónia sem o seu ombro amigo e treinador Ivo

Amigos dia 17 partirei com a comitiva Portuguesa para a Polónia onde representaremos Portugal nos Mundiais de canoagem.
Não vos posso prometer medalhas porque sem a presença do Ivo que me apoia todos os dias e a competir no escalão mais alto e com atletas sem limitações da cintura para cima não haverá epotese de competição.
A minha missão lá é chamar a atenção da federação intrenacional para criar um escalão para a paralisia cerebral e mostrar que é possível.
Vou dedicar a prova ao Ivo, à Dália, ao Afonso e ao Pedro e à equipa dos mergulhos especiais e a todos os atlétas do Atlético do Montijo e a todos os amigos especiais que são muitos.
Vamos ganhar nem que seja juiso.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Mergulhos Especiais

Uma equipa espectacular,
Para mergulhar com eles veio-me desafiar,
Eu que adoro andar dentro de água,
O simpático desafio aceitei sem hesitar.

Foi fantástico,
Aquele mergulho mágico,
Que fez com que eu desse um sorriso…,
Subaquático.

Com os mergulhos especiais…,
O Mundo fica mais divertido,
As diferenças desaparecem…,
E tudo fica mais colorido.

Como um alegre nemo.
Andamos a brincar,
Ao Flemming e a toda equipa,
Os parabéns quero dar.

Nunca desistam de sonhar,
Para o vosso sonho realizar,
Porque é de pessoas assim,
Que este mundo está a precisar.

Quero voltar…,
convosco a mergulhar,
E um sorriso super fantástico,
Convosco quero voltar a dar.

Autoria de Carla Ferreira

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Projecto de inclusão Wind in Cap Nazaré

Entre os dias 17 e 21 de Maio, decorreu n a Nazaré, a primeira etapa em solo português do Projecto Europeu Wind In Cap 2010. O Wind In Cap é um projecto de acessibilidade na área da prática náutica desportiva, com início na França e términus na Croácia, num total de 20 actividades durante o corrente ano (ver http://www.windincap.org/ ). Em Portugal os locais escolhidos foram a Nazaré e Faro, com actividades como passeios de barco a motor, catamaran, canoagem, vela, actividades de praia, e onde estiveram envolvidos centenas de participantes de várias idades e populações. No primeiro e último dia, tiveram lugar seminários na área da acessibilidade e do desporto adaptado, e nos quais a Canoagem foi abordada, não só no seu âmbito competitivo e do alto rendimento, através do testemunho da Carla Ferreira, mas também na área da reabilitação, formação, lazer e prática desportiva regular, com palavras do técnico responsável Ivo Quendera.
video

segunda-feira, 10 de maio de 2010

OURO PARA PORTUGAL NA TAÇA DO MUNDO DE CANOAGEM




Taça do Mundo Vichy -OURO no K2 Feminino 200m10-05-2010 // Regatas em Linha


Último dia de provas em Vichy, I Taça do Mundo de Velocidade,a terminar da melhor forma com o K2 Feminino de Teresa Portela e Joana Vasconcelos a obter a medalha de Ouro.
Portugal teve nesta competição uma das suas melhores prestações de sempre em provas de velocidade, com um total de 3 medalhas, duas de Bronze e uma de Ouro. Foram ainda atingidas um total de 11 finais A num universo de 10 atletas em prova.Hoje disputaram-se as provas de 200e 500 metros com destaque para o K2 Feminino mas também para o resultado de Emanuel Silva no K1 500 metros que terminou num blhante 4º lugar.Fernando Pimenta terminou em 8º na mesma final. David Fernandes em K1 200 não conseguiu atingir a final A.

Ontem, segundo dia de provas em Vichy, França Portugal alcançou as duas primeiras Medalhas da época 2010, através de Teresa Portela em K1 500 metros e do K4 Feminino de Teresa Portela,Joana Vasconcelos, Joana Sousa e Beatriz Gomes. AInda de manhã, Emanuel Silva e Fernando Pimenta terminaram a Final A dos 1000 metros em 5º e 6º lugar respectivamente. Esta tarde realizaram-se as eliminatórias e Semi-finais de K2 Feminino e K1 Masculino 500 metros com Emanuel Silva e Fernando Pimenta a se apurarem para a Final A de 500 metros, tendo ambos os atletas competido na mesma semi-final, com Emanuel Silva a vencer e Fernando Pimenta a terminar em segundo.
O K2 Feminino de Helena Rodrigues e Beatriz Gomes venceram a sua eliminatória ficando apuradas directamente para a Final A dos 500 metros.


A equipa Nacional regressaria amanha ao Porto pelas 11:20.

Canoagem adaptada a caminho de mais um Campeonato da Europa de Canoagem


Amigos estou à beira de mais uma grande aventura e uma maior responsabilidade já que dia 4 de Junho estarei em prova a defender Portugal no European Senior Canoe Sprint Championships - Trasona 2010 – SPAIN, junto com o meu colega Abrãao Vieira o nosso treinador Ivo Quendera e toda a nossa magnifica equipa Nacional de canoagem que obteve em Vichy uma das suas melhores exibições de sempre e deram-me mais força ainda para acreditar que posso e vou conseguir fazer melhor do que fiz no Campeonato do Mundo no Canadá.
Mesmo em desvantagem prometo-vos que não irei cruzar os braços vou lutar muito porque não são as minhas limitações que me vão desmoralizar e muito menos fazer parar, tenho grandes limitações físicas mas a minha força vai ser maior que tudo.
Saudações canoistas .

quarta-feira, 5 de maio de 2010

O QUE É A PARALISIA CEREBRAL?


O QUE É A PARALISIA CEREBRAL?


O termo paralisia cerebral refere-se a qualquer um de uma série de distúrbios neurológicos que aparecem na infância ou na infância precoce e afetam de forma permanente o movimento do corpo e da coordenação muscular, mas não se agravam com o tempo. A paralisia cerebral afeta o movimento do músculo mas não é causada por problemas nos músculos ou nervos. É causada por alterações de algumas partes do cérebro que controlam os movimentos musculares. A maioria das crianças com paralisia cerebral nascem com ela, embora possa não ser detectado até meses ou anos depois. Os primeiros sinais de paralisia cerebral geralmente aparecem antes que a criança atinja 3 anos de idade. Os mais comuns são a falta de coordenação muscular ao realizar movimentos voluntários (ataxia), ou apertado músculos tensos e os reflexos exagerados (espasticidade), caminhando com um pé ou arrastando a perna; caminhar sobre os dedos do pé, uma marcha agachada, ou uma "marcha" scissored e tônus muscular que seja demasiado duro ou demasiado flexível. A paralisia cerebral resulta de um dano cerebral nos primeiros meses ou anos de vida, infecções cerebrais, tais como a meningite bacteriana ou encefalite viral, ou ferimento na cabeça de um acidente de automóvel, uma queda, ou abuso infantil, atraso no parto ou bebé permaturos.

sexta-feira, 9 de abril de 2010

DESENHO FEITO PELA CARLA FERREIRA



Este desenho foi feito no paint manualmente com o rato, com uma foto ao lado Carla vai trasando traços até obter o resultado final.

SER DEFICIENTE

Ser deficiente,
É ser diferente.
É gente que sente,
É ser forte e persistente,
É ter um sofrimento descontente,
E estar preparado para vencer certamente,
Tudo o que lhe apareça pela frente.
Vencer todos os obstáculos que o homem invente,
Sem ter medo de seguir em frente,
Porque aquele que não luta consente,
Que a negatividade lhe invada a mente,
E cairá por terra como uma semente,
Que não voltará a ver o sol nascente,
A não ser que de novo rebente,
E se agarre à vida novamente

Poema de autoria de CARLA MARINA FERREIRA

Um corpo Imperfeito


UM CORPO IMPREFEITO

Existe um corpo imperfeito,
Por ai a circular,
E o tesouro que esconde dentro,
Muita gente está longe de imaginar.

Se só para ele olhar,
Somente matéria verá,
Mas se nele mergulhar,
Um grande tesouro encontrará.

Seu ego também desconhecia,
O que com seu corpo faria,
Não comia nem andava,
Pois pensava que não conseguia.

Incomodava-lhe também,
A sua voz retorcida,
E das pessoas fugia,
Com medo de não ser entendida.

Desta viva pintura abstracta,
Por Deus um dia projectada,
Um espirito artístico vez dela,
Sua digníssima morada.


Assim daquela voz retorcida,
Que ninguém entende não,
Ele mete-lhe doces palavras,
Que tocam em qualquer coração.

Com aquelas mãos tremulas,
Que quase não consegue coordenar,
Consegue escrever e desenhar,
obras d’arte de encantar.

Aquele desengonçado corpo,
Que cai com uma corrente de ar,
Também no rio consegue,
Um pequeno barco remar.


Carla Marina Valadas Ferreira

Outubro de 2000

Somos todos iguais, diferentes


terça-feira, 6 de abril de 2010

UM SONHO DE DOIS AMIGOS QUE NUNCA DESISTIRAM

Quando acreditamos muito numa coisa e trabalhamos com empenho e muita dedicação esse sonho realiza-se. Carla e Ivo acreditaram nas suas capacidades e nunca desistiram do seu sonho e o resultado está á vista. Quando se conheceram a modalidade de canoagem adaptada não existia em Portugal mas ambos não se ralaram com isso e acreditaram que trabalhando podiam expandir a modalidade a outras pessoas com deficiência. Três anos de muito empenho fizeram com que atleta e treinador participassem em provas nacionais e Internacionais e actualmente preparam já o Campeonato da Europa.

Caso queiram experimentar a modalidade liguem para os nº 93 4807509 e combinam com o técnico responsável Ricardo Brasiel

video

quarta-feira, 31 de março de 2010

O Meu Corpo


O MEU CORPO


O meu corpo
é imperfeito
Porque é incapaz
de andar direito

Sempre que eu quero andar
os meus pés para dentro vão
basta só uma corrente de ar
para eu cair no chão

As minhas mãos são trémulas
e têm pouca coordenação
mas com elas consigo
ir onde muitos não vão

A minha voz é retorcida
não é boa para locuções
mas dela saem palavras
que tocam nos corações

O meu Cérebro é perfeito
foi o melhor que Deus pode fazer
e é graças a ele
que este poema estou a escrever


Vive dentro deste corpo
que mal se pode mexer
mas com ele o meu cérebro
ainda tem muito que aprender


Não são, não são,
as limitações que me vão desmoralizar
não há, não há,
nada que me faça parar

Eu irei, eu irei
sempre pelo o que quero lutar
Nem que, nem que
mil barreiras tenha que passar



Não vou, não vou,
as minhas actividades deixar de cumprir
Nem que, nem que,
o vento me faça cair

CARLA MARINA VALADAS FERREIRA

Assim Nasceu a Canoagem Adaptada

video

Carla e Ivo encontraram-se na piscina Municipal do Montijo onde ela tentava atenuar os efeitos de uma paralisia cerebral que lhe afecta a parte motora.

Sabendo que em tempos ela já tinha feito remo adaptado ele desafiou-a a experimentar canoagem.

Ela ficou a pensar..., será que consigo? mas ele deu-lhe a volta dizendo:- Se não esperimentáres não sabemos!

Ela lá se convenceu e foi experimentar e o resultado fui tão positivos que ela se associou no clube e tornou-se atleta.

Ivo integrou-a muito bem com os restantes atletas e tratam-na como se ela não tivesse deficiência.

A integração é tão boa que ela hoje esquece-se que é portadora de deficiência e aventura-se rio fora atrás dos colegas deixando os técnicos do clube preocupados com ela.

Dois anos depois Carla começou a querer competir para trás tinha ficado o boccia e a ideia de uma cadeira de rodas.

Pensou então em escrever um email à NELO a maior empresa de kayaks do Mundo, a pedir-lhe um kayak porque um não já estava garantido desidiu arriscar.

Nesse mesmo dia a NELO respondeu-lhe que lhe ia dar esse mesmo kayak.

Porem era preciso fazer mais e Carla ligou ao Presidente da ANDDEMOT José Pavoeiro e apresentou-lhe o Ivo seu treinador.

Ele ao ver o empenho de atleta e treinador decidiu apoiar o projecto e nomear o Ivo como responsável pela canoagem adaptada da ANDDEMOT.

Em Maio de 2009 Ivo federou-a na federação Portuguesa de Canoagem onde foi participar na taça de pista como Veterana.

Ela era a única portadora de deficiência a participar numa prova normal.

Decorria a prova quando um srº gritou: - Despacha lá isso que quero ir almoçar!

Um colega que estava ao lado disse-lhe: - Olhe desculpe viu aquela rapariga de andarilho?

É ela que vai ali!

Acho que deve ter fugido o chão de baixo dos pés do Srº. que pediu desculpas mas não tinha reparado que a atleta tinha deficiência.

Para Ivo a Carla passar por atleta normal foi uma grande vitória, o srº pediu desculpas e 2 messes depois Carla, Abraão e Ivo estavam no Campeonato do Mundo no Canadá.

Quem quiser saber mais sobre a canoagem adaptada vá até ao www.canoagemadaptada.blogspot.com

Carla tem hoje uma equipa de técnicos empenhados a trabalhar com ela que já foram autores da primeira formação de canoagem adaptada em Portugal.

São o Prof. Ivo Quendera, o Enfermeiro Ricardo Brasiel e o psicologo Hermano Marques.

É nesta equipa que o Clube Atlético do Montijo e a ANDDEMOT aposta e a Carla também.

Quem quiser esperimentar esta modalidade ligue para Ricardo Brasiel 93 4807509.

Façam como a Carla lutem e nunca desistam dos vossos sonhos